Ponte Metálica

Em 15 de novembro de 1902, assumia a Presidência da República o senhor Francisco de Paula Rodrigues Alves , considerado um presidente dinâmico, de visões futuristas, construiu muitas estradas, e tinha um projeto de construção de uma estrada ligando Belo Horizonte a São Paulo. Belo Horizonte era uma capital nova , pois havia sido inaugurada em 12 de dezembro de 1897, portanto com apenas 5 anos .

Rodrigues Alves ficou conhecido como o presidente que mais construiu estradas ligando municípios. Durante seu governo estreitou relações com diversos países, inclusive a Alemanha . Era Ministro das Relações Exteriores o senhor José Maria da Silva Paranhos , o Barão do Rio Branco . Por volta de 1904, com o objetivo de estreitar ainda mais os laços comerciais com o Brasil , o Governo Alemão , enviou de presente ao Governo Brasileiro , uma Ponte Pênsil ou Ponte Metálica como  é mais conhecida . A ponte foi construída pelo exército Alemão e possui uma extensão total de 132,0 metros , e o vão livre central de 90 metros . Rodrigues Alves ,lembrou se então , do seu projeto de ligar Belo Horizonte a São Paulo , e ordenou um levantamento para encontrar um local ideal para a sua instalação , levando-se em conta , a extensão da citada ponte. Os técnicos do Governo encontraram um rio com as dimensões ideais ,e com base sólida , para a perfeita instalação da ponte , com uma grande pedra na margem, que vai até o leito do rio . Não tiveram dúvidas , haviam encontrado lugar ideal para a instalação da ponte . Este rio é o Rio Sapucaí .

Surgiu um problema, como trazer o material até o local ?

Na época não haviam estradas nesta região , havia apenas um barco a vapor que fazia viagens regulares pelo Rio Sapucaí, saindo de Itajubá e passando entre outros , pelo Porto Santa Maria , próximo do local . Este barco transportava passageiros e mercadorias diversas, mas não suportaria cargas pesadas  e de grande volumes. A ponte chegou em Itajubá , através de inúmeras viagens de trens , que faziam viagens regulares transportando passageiros e cargas ,de diversos locais. Como a ponte veio da Alemanha através do mar, deduz se que , que os trens , faziam a viagem de algum porto da costa brasileira para Itajubá. De Itajubá , para o local do destino final da ponte , foram feitas jangadas de madeira com capacidade para transportar até 1000 quilos . Estas jangadas  , com a carga total de sua capacidade, desciam o Rio Sapucaí , acompanhando a correnteza, manobradas atreves de varas por operários , e voltavam vazias , puxadas pelo barco a vapor . Foram efetuadas , centenas de viagens para transportar todo o matéria da ponte , só para se ter uma idéia do peso , cada cabo de aço pesa 1000kg (carga máxima da jangada) e a ponte possui 18 deles .

Da Alemanha vieram engenheiros e técnicos para a sua montagem . Montaram acampamento no local e começaram a construção por volta de 1905 , e durou aproximadamente 6 anos . Em 15 de novembro de 1906, assumiu a Presidência da República  , o senhor Afonso Augusto Moreira Pena , dando prioridade ao transporte , reaparelhando as ferrovias e portos .Afonso Pena deu grande impulso para a construção da ponte.Afastou se do cargo em 4 de julho de 1908 , por motivo de doença , vindo a falecer em 14 de junho de 1909.Assumiu seu vice-presidente , Nilo Procópio Peçanha, que continuou com a construção da ponte até seu término em 1911 , recebendo o nome de “Ponte Pênsil Afonso Pena” em homenagem ao falecido presidente.

Para chegar a conclusão da história  acima , o senhor José Sebastião Ramos , residente me São Gonçalo do Sapucaí , realizou minuciosas pesquisas , através de livros , fotos antigas , internet, livros antigos da prefeitura de São Gonçalo do Sapucaí  e depoimentos de pessoas que viveram naquela época . Ressalte-se que não foi encontrado nenhuma anotação sobre a ponte nos livros da prefeitura, concluindo assim , que não se tratava de obra liga ao município. Foi encontrado nos livros da prefeitura , no ano de 1922, um pedido do povo do distrito do Retiro , ao vereador Alberto Siqueira , solicitando uma estrada , ligando são Gonçalo ao referido distrito,  passando pela Ponte Metálica. Chega se a conclusão , que até esta data , a ponte estava ligando nada a lugar nenhum .Entre outros , destaca se o depoimento ao sr. José Sebastião Ramos da sra. Maria dos Reis , na época com 15 anos , que foi trabalhar como cozinheira no acampamento da construção . Ela disse que os homens davam ordens em língua estranha , difícil de entender e confirmou que a ponte foi construída no período de 1905 a 1911. Conclui se ainda que a obra de tão grande importância , não poderia ser feita apenas para ligar São Gonçalo do Sapucaí ao distrito do Retiro, que na época era um pequeno vilarejo. O motivo da construção , seria muito maior , que era a ligação de Belo Horizonte a São Paulo . há boatos que a ponte foi destinada para esse local por engano . Como poderiam cometer tamanho engano , construindo uma obra durante 6 anos , passando por três presidentes , transportando o material em dezenas de viagens de trem, e centenas de viagens de jangada ?

No Brasil , existem três pontes deste tipo , uma em Florianópolis SC, outra em são Vicente SP e esta sobre o Rio Sapucaí , ligando os municípios São Gonçalo do Sapucaí e Turvolândia .

Partindo de um raciocínio mais lógico , deduz se que o governo Federal , pediu aos estados e estes municípios , que apresentassem suas propostas , que foram reduzidas a três , valendo assim a força política do município.

A base da ponte é toda trabalhada à mão , sendo que o ancorador dois cabos de aço que sustenta a ponte do lado de São Gonçalo do Sapucaí são dois poços e dois túneis perfurados na grande pedra existente no local , e do lado de Turvolândia , os cabos são sustentados por duas grandes grutas de pedras construídas com arte .

Ponte Metálica com ficou conhecida na região , na verdade é a Ponte Pênsil , que significa pendurada ou sustentada por cabos de aço .

Voltar